O que os faraós têm a ensinar sobre a aposentadoria


Redes Sociais

a aposentadoria

É muito comum tratarmos a aposentadoria como um evento fortuito que ocorrerá algum dia, no pôr do sol de nossas vidas. Algumas pessoas chegam ao absurdo de jamais pensar nesse assunto. Outras pessoas pensam, mas não transformam seus pensamentos em atitudes e protelam decisões importantes, na expectativa de que algum milagre aconteça.
A aposentadoria é simplesmente o resultado de um conjunto de procedimentos e atitudes que devem ser tomadas ao longo de nossa vida, de tal forma que, quando atingirmos a idade ideal para nos aposentarmos, tenhamos as condições necessárias para tal. Assim, podemos dizer que a aposentadoria é uma construção que viabilizamos ou pelo menos deveríamos viabilizar, a partir dos nossos primeiros ganhos ou salários.

Quer receber nossa Newsletter? Preencha seu e-mail:

Uma palavra porém se sobrepõe neste processo: Planejamento! Ninguém jamais conseguirá conduzir a bom termo sua vida financeira, se não houver planejamento. E o Planejamento Financeiro pressupõe:

1 – Conhecer sua capacidade de geração de receita e as possibilidades de oscilação dessa receita para mais ou para menos ao longo de sua vida produtiva;

2 – Conhecer sua estrutura de gastos e saber hierarquiza-la, na perspectiva de poder realizar cortes ou melhor qualificar a realização desses gastos;

3 – Estabelecer que nunca, jamais, em tempo algum, gastará mais do que ganha;

4 – Saber administrar as sobras, fazendo as melhores alocações desses recursos, pois é esse dinheiro que lhe permitirá, um dia, gozar da merecida aposentadoria. Quem não administra bem o agora, não terá amanhã;

5 – Realizar todo esse processo de acordo com um calendário de execução, cumprindo prazos de forma rigorosa.

Se engana quem pensa que poderá chegar a uma aposentadoria tranquila sem esse planejamento. Algumas pessoas podem até conseguir, se forem realmente abastadas e tiverem uma grande capacidade de geração de riqueza. Mas mesmo para essas pessoas, o planejamento financeiro é importante, sob pena dela desperdiçar muitos recursos e não maximizar o seu resultado.

O ensinamento do Faraó

a aposentadoriaA história nos mostra que o sucesso não vem ao acaso. Quando debruçamos nosso olhar mais atento aos casos que marcaram a história da nossa humanidade, verificamos que o planejamento se encontra presente em todas elas, como a história de José do Egito e do Faraó. Nessa história, o Faraó vivia atormentado com um sonho que sempre lhe acometia, no qual ele via 7 vacas gordas saindo do Rio Nilo e pastando em suas margens. Logo após, 7 vacas magras saiam igualmente do Rio Nilo e devoraram as 7 vacas gordas.

Como era de praxe naquela época, os sonhos deveriam ser interpretados por sacerdotes ou feiticeiros, mas nenhum deles conseguia apresentar ao faraó uma explicação plausível, lógica, convincente, até o dia em que indicaram um jovem escravo hebreu, de nome José, que era muito hábil em decifrar sonhos. Levado à presença do Faraó, foi muito fácil para José, um Hebreu (Judeu), decifrar as dúvidas que atormentavam o Faraó.

José explicou ao Faraó que as sete vacas gordas representavam 7 anos de fartura e de boa produção agrícola e que as sete vacas magras, por sua vez, eram 7 anos de seca, escassez e dificuldades. O faraó encontrou sentido na explicação de José e lhe perguntou: O que fazer então? José respondeu ao Faraó que este deveria durante os 7 anos de vacas gordas, reservar 20% de tudo que for produzido, recolhendo aos silos do governo. E assim, o Egito conseguiu vencer os anos de seca e ser o sustentáculo econômico de sua região à época.

Aproveite para baixar a Planilha de Independência Financeira e torne-se o faraó das finanças:

independenciafinanceira

Assim é na nossa vida. Temos período em que produzimos, ganhamos dinheiro e há fartura. Há outros períodos em que ficamos fora dos processos produtivos, quer seja por desemprego, por envelhecimento, por doenças etc. É nessa hora que uma boa gestão do período de fartura faz toda diferença.

banner_clinica

Renato_

 

a aposentadoria

Redes Sociais

Gostou? Deixe aqui seu comentário